quarta-feira, abril 22, 2009



Bem-Hajam

“Bem hajam não é uma forma de saudação, mas uma forma de agradecimento equivalente a muito obrigado/a: «Bem hajam pela ajuda que me deram!» Aqui, o verbo haver significa ter, obter. E bem é aqui um substantivo, complemento directo de hajam, a significar isto: tudo que é bom. Bem hajam = obtenham tudo / tenham tudo o que é bom. Dizemos bem hajam, quando agradecemos a mais de uma pessoa. E dizemos bem haja, quando agradecemos a uma só pessoa (…)” http://ciberduvidas.sapo.pt

O Bibliotecário-Ambulante gostaria de deixar aqui uma sentida e sincera palavra de agradecimento a algumas pessoas e entidades, sem as quais, nunca teria sido possível receber este galardão:

- ACLEBIM na pessoa do seu presidente Roberto Soto Arranz pelo galardão, pelo apoio e divulgação da Bibliomóvel;

- Gabinete de Acção Social da Câmara Municipal de Proença-a-Nova (Lurdes, Mara, Marisa, Paula) promotor e gestor do projecto que financia as actividades da Bibliomóvel;

- Câmara Municipal de Proença-a-Nova (Biblioteca Municipal e Estaleiros Municipais) pelo tratamento documental, manutenção e limpeza da Bibliomóvel;

- Vera Oliveira (DGLB) pelas constantes palavras de incentivo e pelos ensinamentos transmitidos (as aulas à luz velas deram resultado!);

- A todos os visitantes e seguidores das Crónicas de um Bibliotecário-Ambulante”;

- As terras e gentes de Proença-a-Nova, pela recepção e utilização assídua dos serviços prestados pela Bibliomóvel.

Correndo o risco de ter-me esquecido de alguém, gostaria que soubessem da minha gratidão e apreço por tudo o que me proporcionaram ao longo destes três anos e espero poder continuar a contar com o vosso apoio, para que a Bibliomóvel continue a percorrer esta terra e estas gentes com a mesma vontade de fazer sempre o melhor, melhor possível!

BEM HAJAM!

O Papalagui

CRÓNICAS DE UM BIBLIOTECÁRIO-AMBULANTE