sexta-feira, outubro 30, 2009


Bubisher – O pássaro que traz a boa sorte

Os ecos do palrar do Bubisher, vindo das areias escaldantes do Sahara, já tinham chegado aos ouvidos do Bibliotecário-Ambulante, no entanto conhecer ao vivo e a cores o mentor e uma das últimas voluntárias e entusiastas (Gonzalo Moure e Palma ) é de facto uma experiência marcante e inolvidável.

Logo a partida o próprio conceito de levar uma Biblioteca Itinerante para um campo de refugiados no meio do deserto do Sahara é um empreendimento só ao alcance de um louco, mas não de um lunático. Essa saudável loucura que nos faz alcançar feitos inimagináveis no nosso perfeito estado de juízo, mas que pode fazer a diferença e neste caso em particular, faz mesmo toda a diferença.

A génese desde projecto saiu da Razão e da Emoção de Gonzalo Moure, escritor castelhano ( http://www.gonzalomouretrenor.es/) a quem a imensidão das areias e a injustiça e precariedade de um povo sem terra e de uma terra sem povo que é o Sahara Ocidental:(http://es.wikipedia.org/wiki/S%C3%A1hara_Occidental) levaram a querer fazer algo mais que discursos e acções inócuas. Acção directa e imediata levaram Gonzalo Moure a bater a portas de diversas instituições e empresas e assim, “O Homem sonha, a obra nasce”.

Bubisher, o pássaro que traz a boa sorte voa e rola pelas areias do deserto a cerca de um ano, enfrentando as naturais dificuldades de implantação e funcionamento de um serviço num sitio onde pouco ou nada existe a não ser a tremenda vontade de Resistir,Insistir e Nunca Desistir de ser um território e uma nação.

Á semelhança de Timor-Leste também este povo e esta nação esquecidos nas areias do Sahara, têm direito a sua existência e vivência integra, por isso APOIEM!

http://www.bubisher.com/


CRÓNICAS DE UM BIBLIOTECÁRIO-AMBULANTE